” Afrodescendentes de Quilombos não servem nem para procriar “, Sos Racismo Brasil denuncia ao MPF fala racista de deputado na Hebraica.


Matéria oficial do Sos Racismo Brasil, com fontes do “Ópera Mundis”, Estadão, e usuários do Facebook

Denuncie você também esta cananlha racista e racista ao Ministério Público Federal

Deputado federal do Rio de Janeiro, Jair Bolsonaro agrediu racialmente o Povo Negro Brasileiro, em palestra no Clube Hebraica,  nesta segunda-feira, 3 de abril de 2017.

O Sos Racismo Brasil, entrou com petição junto ao MPF e a Defensoria Pública do Rio de Janeiro para enquadrar o deputado no  Art. 20., que define o crime: Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, da Lei Caó – Lei 7437/85 | Lei nº 7.437, de 20 de dezembro de 1985

Cópia do vídeo original postado no Youtube pelo grupo “Contra o Golpe Fascista“.

Enquanto do lado de fora da Hebraica do Rio de Janeiro, mais de de 100 pessoas antirracistas e grupos antifacistas protestavam contra a presença do deputado Jair Bolsonaro no tradicional clube da Comunidade Judaica, do lado de dentro, 300 pessoas aplaudiam suas piadas racistas, em palestra exclusiva para convidados, organizadapelo atual presidente do Clube da Comunidade Judaica do Rio de Janeiro.

O deputado federal do RJ, Jair Bolsonaro afirmou de forma racista na Hebraica do Rio, na última segunda-feira 04.03,  que as reservas indígenas e quilombolas atrapalham a economia:

“Onde tem uma terra indígena, tem uma riqueza embaixo dela. Temos que mudar isso daí”.

O deputado citou que  foi  “ a um quilombo em São Paulo ”, e de lá voltou com a seguinte percepção:

“O afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas. Não fazem nada. Eu acho que nem para procriador ele serve mais. Mais de R$ 1 bilhão por ano é gasto com eles.”

– Pode ter certeza que se eu chegar lá não vai ter dinheiro pra ONG. Se depender de mim, todo cidadão vai ter uma arma de fogo dentro de casa. Não vai ter um centímetro demarcado para reserva indígena ou para quilombola. 

Pela punição por racismo do Deputado Federal Jair Bolsonaro.

O Sos Racismo Brasil é categórico contra o racismo e o antissemitismo!

Não admitimos que uma minoria de fundamentalistas fascistas, joguem os judeus contra os negros e os indígenas no Brasil e nem o contrário.

Foi uma perversidade absurda que um deputado fascista defensor da tortura e do estupro tenha sido convidado, apesar dos protestos da comunidade judaica nacional, para palestrar na Hebraica do Rio de Janeiro e, lá proferir sob aplausos, depoimentos e piadas racistas contra os Povos Negros e Indígenas do Brasil, além de comentários xenófobos contra os refugiados acolhidos pela Terra Brasil. Esta agressão racista foi um choque elétrico nas vergonhas dos descendentes de todas as vítimas do Holocausto Judeu na Europa acolhidos no Brasil e da Escravidão Transatlãntica dos Povos Africanos sequestrados para as Américas e Brasil, assim como de todos os povos originários dessa Terra.

Abaixo conclamação do Sos Racismo Brasil:

Pela-punição-de-Bolsonaro 

Segundo o Estadão, o presidenciável prometeu que irá acabar com todas as reservas indígenas e comunidades quilombolas do país caso seja eleito em 2018.

Abaixo judeus cariocas democratas e de esquerda protestam contra o racismo e o fascismo.

Os manifestante do lado de fora, articulados por movimentos juvenis da comunidade judaica, levantavam cartazes e gritavam: “Judeu e sionista não apoia fascista”. “Quem permite torturar se esquece da shoá”. “Pela vida e pela paz, tortura nunca mais”. Um grupo de mulheres entoava: “Ei, mulher, ele apoia o estupro”.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s