É negra e advogado ameaçado de morte. A 1ª vítima da violência do novo governo.


advogado

Mauro Rogério Silva dos Santos

Por Marcos Romão

Mauro Rogério Silva dos Santos, como a maioria dos pais e mães negras do Brasil, quando podem, vão buscar seus filhos nas escolas e até nas universidades, ou pelo menos aguardam suas chegadas nas paradas de ônibus, notadamente à noite, pois sabem que viaturas policiais no Brasil, só acendem seus faróis para jovens negros, e os apagam para espancá-los e achacá-los, quando não acontece o pior.

Caxias do Sul é uma cidade com uma população de 88% de brancos. Como pai de um estudante negro que faz parte dos cerca de 11% de negros da cidade de cerca de 500 mil habitantes, é justificável o zelo do pai, em buscar seu filho todas as noites na faculdade depois das aulas.

Creio que o advogado negro Mauro Rogério, não imaginava que ele mesmo, enquanto advogado e cidadão de idade, iria ele mesmo sofrer agressões e torturas da polícia, ao interferir como advogado, em uma confusão no final de uma manifestação, que ele não participara.

Acontece, que mesmo sem saber, Mauro Rogério, era o homem do tipo certo, no lugar certo, para apanhar da polícia, que não importa em que estado do Brasil, não reconhece uma carteira da OAB, nas mãos de uma pessoa negra.

Em seu perfil no Facebook, Mauro Santos Rogério nos relata o ocorrido

NOITE DE HORROR.
Eu sou a pessoa agredida no vídeo. Tenho vários machucados mas estou bem. tenho habito de buscar meu filho a noite na faculdade. Em torno de 22 horas recebi uma msg dele pedindo para que eu o busca-se na praça central de Caxias do Sul onde estava acontecendo uma manifestação pelo fora Temer. Me dirigi para lá e já não haviam muitas pessoas. Não o vi. Recebi um pedido de ajuda dele dizendo que estavam precisando de um advogado pois haviam jovens sendo presos a uma quadra da praça, quando se dispersavam. Cheguei e vi uma moça e um jovem, certamente menor, de mãos na parede e os policiais se preparando para conduzi-los a delegacia. Retirei minha carteira e apresentei aos policiais para saber da razão da condução dos jovens e qual o nome deles. De imediato fui repelido com empurrões e não tive a condição de advogado reconhecida, talvez por eu ser negro. A policia tem dificuldade em entender que estas duas condições podem andar juntas. As agressões foram muitas Meu filho está preso na penitenciária de Caxias do Sul. Dizem que ele chutou um policial e com isto atentado contra a vida dele. Meu filho é estudante de direito, por longo tempo atleta de canoagem, tendo representado o Brasil em diversas competições nacionais e internacionais. O presido não é o lugar dele. Vou trabalhar para tirá-lo de lá.

“Um vídeo flagrou o momento das agressões e mostra os militares jogando Mauro no chão e desferindo golpes de cassetete na tentativa de imobilizá-lo. O filho do advogado que estava presente no momento, foi filmado chutando a cabeça de um dos PMs que agredia seu pai.

https://www.facebook.com/plugins/video.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2FmidiaNINJA%2Fvideos%2F711151492376332%2F&show_text=0&width=628

Tanto Mauro quanto seu filho foram presos mas no momento já foram liberados. O advogado está em casa.”

A solidariedade ao advogado e seu filho veio de todo o país, e o vídeo da violência que ele sofreu, foi visto por mais de 4 milhões de pessoas.

Mauro teme pela sua vida e a de seu filho, a sociedade brasileira precisa ficar atenta, e barrar esta onda de racismo e violência que cresce a cada dia em todas a cidades do Brasil, conforme informações da nossa parceria, Sos Racismo Brasil

Anúncios

Um pensamento sobre “É negra e advogado ameaçado de morte. A 1ª vítima da violência do novo governo.

  1. Pingback: Socorro, meus filhos vão ser mortos a qualquer instante. | Mamapress

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s