OSCs e defesa de direitos: do que se está falando mesmo?


O que são OSCs? Quem é e quem não é OSC?

É possível distinguir OSCs que defendem direitos de outras que não o fazem? Como?

Como as OSCs se sustentam financeiramente? Quem as apóia? Quais são os canais por onde fluem os recursos? Qual é a arquitetura institucional do setor social no Brasil?

Domingos Armani

DSC01129O que são OSCs? Quem é e quem não é OSC?

É possível distinguir OSCs que defendem direitos de outras que não o fazem? Como?

Como as OSCs se sustentam financeiramente? Quem as apóia? Quais são os canais por onde fluem os recursos? Qual é a arquitetura institucional do setor social no Brasil?

Estas e outras perguntas foram debatidas há poucos dias num seminário da FGV-SP do qual participei como convidado. O evento se destinava à apresentação da pesquisa sobre “a arquitetura institucional de apoio às organizações da sociedade civil no Brasil”, proposta pela Articulação D3 – Diálogo, Direitos e Democracia.

Um debate importante deu-se em relação à dificuldade de estabelecer o que seja uma OSC e, especialmente, definir quem é “OSC de defesa de direitos” e quem não é.

Sindicatos, cooperativas, organizações comunitárias, Ongs, movimentos sociais, institutos e fundações empresariais, por exemplo, são definitivamente OSCs. Mas e os…

Ver o post original 474 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s