TRABALHOU COMO ESCRAVA NA BARRA E AINDA FOI XINGADA DE MACACA!


TRABALHOU COMO ESCRAVA NA BARRA E AINDA FOI XINGADA DE MACACA!
Fabiana Lameira, mulher negra , pobre , de 30 anos atendeu ao anúncio para trabalhar como diarista, para fazer a limpeza da cobertura de um prédio da Barra da Tijuca,por R$ 53,00 reais a diária..
Depois de trabalhar o dia inteiro a senhora que a contratou, lhe disse que não iria pagar o seu serviço, pois ela deveria ficar honrada de ter trabalhado em uma cobertura da Barra de frente para a praia.  Não satisfeita com a agressão trabalhista,  partiu para a agressão racista e a mandou sair imediatamente de lá, pois aquela cobertura não era pra ser frequentada por uma negra.
Atônita e sem dinheiro da passagem, para voltar para o bairro de Vaz Lobo onde mora, Fabiana ligou para a senhora e pediu pelo menos o dinheiro da passagem , pois não tinha como voltar para casa.
Foi aí que a mulher disparou disparou uma série de mensagens racista para a jovem Fabiana, que ao prantos ligou para o namorado, que foi buscá-la para levá-la para dar queixa na 16a Delegacia de Polícia da na Barra da Tijuca.

SUA MACACA.
ORANGOTANGO.
AQUI SÓ BRANCO NA BARRA.
NUNCA VAI TER O QUE TENHO , CABELO BOM É FILHO BRANCO.
VOCÊ NÃO PARIU , CAGOU.
BARRACO NA FAVELA , NEM FILHO DEVE TER, NO MÁXIMO UM CRIOULINHO.
Na delegacia aconteceu a segunda agressão racial contra a jovem Fabiana Lameira.
Depois de Fabiana relatar por 26 minutos o seu caso de trabalho escravo, conseguido através do subterfúgio do anúncio de trabalho, e apresentar as mensagens em seu celular, enviadas pela patroa racista e escravocrata. O inspetor de polícia fez este registro lacônico:
Data do registro : 27/03/2014.
Início do registro : 23:31 , término do registro : 23:57
“A comunicante Sra. Fabiana A. Lameira relata que no dia de hoje , 27MAR2014 , por volta das 18h, após o término de trabalho de diarista , foi injuriada”.
Nenhuma palavra sobre injúria racial, racismo ou trabalho escravo.
A CIR/OABRJ(Comissão de Igualdade Racial da OAB) foi procurada e tomará as seguintes providências:

1- Encaminhar a Chefia de Polícia Civil cópia do Registro de Ocorrência.
2- Acompanhar com ativistas do movimento negro e antirracista a jovem Fabiana na 16a DP, para solicitar que o registro seja fiel aos fatos relatados.
3- Levar a lei estadual de 1994, que obriga as delegacias a registrarem crimes de racismo.sos-racismo

Anúncios

2 pensamentos sobre “TRABALHOU COMO ESCRAVA NA BARRA E AINDA FOI XINGADA DE MACACA!

  1. A culpa e dos negros , pois quando ficam ricos so querem branca , exemplos ? RONALDO THIAGUINHO,CAFU, E OUTROS. Voce conhece classe media negra ?Os negros brasileiros nao se valorizam, nos ESTADOS UNIDOS os negros sao mais inteligentes.Se o BARAC OBAMA tivesse nascido no BRASIL duvido que ia casar com a negra maravilhosa que ele tem ,ele estaria com uma loira bem vagaba.

    • É, a culpa é dos negros!!!!! E O SENHOR, COM ESSE COMENTÁRIO ABSURDO, SE MOSTRA MAIS RACISTA AINDA! É exatamente o mesmo tipo de comentário que diz que a culpa do holocausto foi dos judeus!

      Ficou faltando, à Comissão da OAB, um quarto ítem: abrir uma sindicância contra a mulher aquela, que deve ser condenada por propaganda enganosa, e por atos escravocratas e racistas. Racista vai seguir sendo, o que fazer, mas que pague por seus crimes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s